Pratos típicos de Festa Junina: confira os 7 mais tradicionais

Listamos várias receitas de comidas juninas para você incrementar o cardápio do seu restaurante em junho. Confira!

Uma das datas festivas mais aguardadas no ano é, sem dúvidas, a de São João, Santo Antônio e São Pedro — os santos da festa junina. Além de fazer parte da cultura do país, ela valoriza vários ritmos musicais — do forró ao sertanejo —, promove eventos muito animados, levando a população a caprichar em visuais inspirados na vida caipira e, claro, recheia os momentos com os pratos típicos de festa junina, que são uma atração à parte.

É muito difícil encontrar alguém que não goste de um milho-verde, quentão ou pipoca. Mas não é só isso! Trouxemos alguns exemplos dos pratos que fazem muito sucesso nessa época para você reproduzir no seu estabelecimento e conquistar os clientes, aproveitando o melhor da sazonalidade. Acompanhe!

1. Canjica

A canjica é uma das comidas juninas mais lembradas. Você pode atrair clientes a incluindo no cardápio, destacando-a como uma opção sazonal e oferecendo variedade de acompanhamentos. Ela pode ser vendida em diferentes porções para lanche, sobremesas e até para café da manhã.

Dá para promover a novidade nas redes sociais e no local, além de oferecer degustações e combos especiais, maximizando o apelo dessa iguaria tradicional e permitindo que os clientes desfrutem de uma experiência completa durante essa época festiva.

2. Pamonha

Outro exemplo entre os pratos típicos de festa junina é a pamonha, de fácil preparo e que pode ser vendida individualmente ou em combos com várias unidades. Para incluir no cardápio, você pode oferecer opções tanto de pamonha doce quanto salgada, destacando cada uma em uma seção especial do menu.

Para atrair clientes dos mais variados gostos, existe a pamonha cozida no vapor ou assada, e ainda dá para explorar variações como a pamonha recheada com queijo, carne seca ou coco. Além disso, combos que incluem a pamonha como acompanhamento de pratos típicos juninos ou como sobremesa podem ser uma maneira eficaz de introduzi-la no cardápio e proporcionar uma experiência completa da culinária junina.

3. Pipoca

A pipoca é um dos quitutes juninos mais práticos de se fazer e pode ser personalizada de várias formas. São diferentes tipos e sabores de pipoca, desde a tradicional salgada até opções mais criativas, como pipoca doce caramelizada ou com cobertura de chocolate.

Você pode criar combos que incluam pipoca como petisco ou acompanhamento de pratos juninos, como a pamonha e a canjica. Além disso, dá para ir além e disponibilizar carrinhos de pipoca no local ou oferecer pacotes para viagem — isso vai atrair clientes e adicionar um toque autêntico de festa junina ao ambiente do estabelecimento.

4. Paçoca

Uma das especialidades de festa junina é a paçoca. Para incluir no cardápio, é possível considerar várias opções criativas. A mais simples de todas é oferecer as paçocas tradicionais como sobremesa, de brinde no pedido. Mas também é viável incluí-la como parte de uma sobremesa mais elaborada, como uma torta de paçoca.

Você ainda consegue explorar a versatilidade da paçoca em pratos salgados, como hambúrgueres ou petiscos, incorporando-a como um ingrediente saboroso. Destacar a paçoca como uma opção saudável e fitness no cardápio, com informações nutricionais claras, também pode atrair clientes preocupados com uma alimentação equilibrada.

5. Arroz-doce

Entre os pratos de festa junina não pode faltar o arroz-doce. Para reproduzir no cardápio do estabelecimento durante a sazonalidade, você pode destacar em uma seção especial do menu, dedicada aos pratos típicos juninos. Dá para oferecer o arroz-doce em porções individuais ou como uma sobremesa para compartilhar.

Experimente também explorar variações do arroz-doce, acrescentando sabores de canela, amendoim, cravo, chocolate, coco ou caramelo. Capriche na apresentação do prato, servindo-o em recipientes charmosos e decorando com detalhes que remetam à atmosfera junina, como bandeirinhas coloridas ou pequenas espigas de milho.

6. Cocada

Se o seu objetivo é ter uma cartela variada de doces populares da gastronomia de festa junina, já sabe: a cocada não pode faltar! Para reproduzir no cardápio do restaurante, é essencial escolher ingredientes frescos e de qualidade, como coco fresco ralado e açúcar, e oferecer uma variedade de sabores, como cocada branca, queimada ou com frutas.

Opções de embalagem práticas, como porções individuais, facilitam a venda, enquanto promoções sazonais e uma divulgação criativa nas redes sociais e no estabelecimento ajudam a atrair clientes. Além do mais, garanta que a cocada tenha a consistência correta, nem muito dura nem muito mole. É importante encontrar o equilíbrio para ficar macia e cremosa, mas ainda assim mantenha sua forma ao ser servida ou embalada.

7. Maçã do amor

Para incluir a maçã do amor no seu cardápio durante a Festa Junina, cuide de oferecer variedade de coberturas, como chocolate, caramelo e confeitos coloridos, para atender às preferências dos clientes. Capriche na apresentação com cores vibrantes e decorações temáticas, como bandeirinhas e confetes, para atrair visualmente.

As versões personalizadas, como maçãs inteiras ou cortadas em pedaços menores, são uma ótima ideia. Crie promoções especiais, como combos com desconto ou pacotes para presente, para incentivar a compra. Utilize maçãs frescas e de boa qualidade para garantir o sabor e a textura perfeita da maçã do amor, além de se certificar de que a calda atinja o ponto certo de consistência para não ficar nem muito dura, dificultando a mordida, nem muito mole, perdendo o aspecto crocante.

Como aproveitar a data para incrementar as vendas?

São muitos pratos típicos de festa junina que podem ser acrescentados no cardápio do seu estabelecimento, viu só? O período de São João é ótimo para impulsionar as vendas do seu restaurante. Inclusive, a própria Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) reforça a importância de aproveitar essa data:

“Os donos de restaurantes apostam em várias iniciativas para atrair o público a aproveitar o São João nos estabelecimentos, já que a data tem fama de ter as comidas mais saborosas no ano. Comidas típicas da época e decorações juninas estão sempre presentes durante todo o mês”.

Incluir ou reproduzir pratos típicos de Festa Junina no cardápio é uma estratégia inteligente por várias razões. Em primeiro lugar, essa é uma celebração muito popular e querida em muitas regiões, o que significa que os clientes já estão familiarizados e interessados nesses pratos tradicionais. Ao oferecê-los, você pode capitalizar essa demanda sazonal, atraindo clientes que estão procurando experimentar e celebrar a tradição junina.

Além disso, as comidas juninas têm um forte apelo emocional e nostálgico para muitas pessoas, evocando memórias de infância e momentos de confraternização. Ao incluir esses sabores juninos no cardápio, você cria uma conexão emocional com os clientes, gerando uma experiência mais significativa e memorável.

Outra vantagem é a oportunidade de diversificar o cardápio e oferecer opções sazonais que se destacam da concorrência. Isso pode atrair novos clientes, que estão interessados em experimentar algo diferente e autêntico durante a época. Ainda ajuda a fortalecer a identidade e a imagem do estabelecimento como um local que valoriza as tradições locais e se dedica a proporcionar uma experiência autêntica aos seus clientes.

Curtiu o post? Então, não deixe de conferir nosso kit de imagens para divulgar seus quitutes na festa junina!

Author picture

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

23/05/2024

Cultura data-driven: transforme dados em decisões estratégicas!

22/05/2024

Gestão de restaurante: passo a passo para alcançar o sucesso

21/05/2024

Melhoria contínua: o que é, objetivo e como aplicar