Como elaborar um plano de marketing

Você sabe como elaborar um bom plano de marketing? Leia este post e tire todas as dúvidas sobre o tema para aplicar em seu negócio!

O plano de marketing é uma tarefa fundamental para o sucesso de um empreendimento, e é necessário que ele seja feito de forma eficiente. No entanto, muitos empreendedores não sabem como fazê-lo. É comum que recorram a modelos prontos da internet, que não consideram o contexto em que a empresa está inserida.

Realmente, não é uma tarefa fácil elaborar um plano que dê bons resultados em termos de marketing e vendas e faça o estabelecimento superar as projeções. Além de muito estudo, isso exige um bom conhecimento sobre a empresa, bem como as etapas de uma estratégia de marketing.

Entenda, neste post, como funciona um plano de marketing e quais são os principais tipos, além de conferir dicas para elaborar o seu. Boa leitura!

O que é um plano de marketing?

O plano de marketing é um documento que serve para guiar as ações do setor para alcançar as metas propostas e contribuir com o crescimento da empresa. Ou seja, ele engloba todas as estratégias de marketing que serão feitas durante determinado período.

Na ferramenta, estão presentes pesquisas de mercado, dados estatísticos, objetivos, análises, indicadores e muitas outras informações relevantes para apontar a direção correta das estratégias.

Para que serve o plano de marketing?

Um plano de marketing serve para que a equipe de gestão tenha uma visão estratégia do negócio e possa conquistar seus objetivos com maior previsibilidade e controle.

Por meio desse documento, é possível definir:

  • o que será realizado;
  • como as estratégias serão implementadas;
  • quanto isso custará;
  • quais canais serão utilizados;
  • de que forma os resultados serão mensurados.

Como funciona o plano de marketing?

O plano de marketing funciona como um guia estratégico e tático de um estabelecimento. Nele, é possível especificar todas as ações a serem implementadas, juntamente com informações sobre seus orçamentos, seus prazos e os profissionais que serão responsáveis por cada etapa.

Além de estabelecer um cronograma completo de atividades, esse guia tem a função de entregar resultados. O objetivo é oferecer condições para que o estabelecimento alcance as metas estipuladas dentro da sua realidade financeira e no prazo certo.

Quais os principais tipos de plano de marketing?

Agora que você tem um entendimento melhor do que conceito e do funcionamento do plano de marketing, é hora de saber quais são os tipos existentes. Assim, será possível definir como elaborar um plano que atenda melhor às necessidades da sua gestão empresarial. Saiba mais a seguir!

Plano de marketing por níveis

O planejamento de marketing por níveis, normalmente, é dividido em três fases, para ser mais eficaz. Seus níveis são voltados para tipos diferentes de marketing: estratégico, tático e operacional.

O plano de marketing estratégico é o mais amplo. Normalmente, ele traça os objetivos e as metas de longo prazo. As estratégias são pensadas a partir de uma perspectiva macro, sem que sejam definidos ainda os planos de ação. Esse detalhamento das estratégias é feito pela etapa seguinte: o plano de marketing tático.

Por último (mas não menos importante), o plano de marketing operacional é responsável por trazer as definições do dia a dia de cada estratégia planejada. Ele detalha os objetivos de curto prazo, os cronogramas, os responsáveis, as tarefas e outros pontos mais específicos do plano de ação.

Plano de marketing por campanhas

Os planos de marketing que visam campanhas específicas, normalmente, estão no nível operacional. Eles atuam com o curto prazo, e é importante que sejam bem objetivos para operacionalizar as ações. Nessa categoria, o plano de marketing pode ser, por exemplo, voltado para o lançamento de um produto, um evento, o Dia das Mães ou a Black Friday.

Plano de marketing por estratégia

Os planos de marketing que fazem o detalhamento das estratégias estão no nível tático. É importante destacar que eles são mais objetivos, já que focam em uma estratégia específica. Porém, não podem se desvincular do planejamento estratégico, que deve conduzir as decisões.

Alguns exemplos são os planos de marketing:

  • de conteúdo;
  • digital;
  • de redes sociais;
  • de produto;
  • de relacionamento.

Como fazer um bom plano de marketing para o seu estabelecimento?

Um planejamento de marketing é eficiente a partir do momento em que as suas etapas são seguidas. Para isso, é necessário ser bem sucinto e objetivo. A seguir, você conhecerá algumas dessas etapas e como elas podem impactar o seu negócio.

Conheça o negócio

Pode parecer um tanto óbvio afirmar ser preciso conhecer o próprio negócio. Porém, a relevância disso não pode ser subestimada, pois essa é uma das principais etapas para que o plano de marketing funcione corretamente. Desse modo, é necessário entender como funciona a empresa e o que o seu estabelecimento vai oferecer para os clientes.

Além disso, você pode fazer uma análise do posicionamento do seu negócio ao analisar as oportunidades, fraquezas, ameaças e forças, aplicando a análise que leva a iniciais dessas palavras em inglês em seu nome: SWOT (Strengths, Weaknesses, Opportunities e Threats). É importante estudar e considerar a concorrência, pois a partir de uma comparação do seu estabelecimento com os demais é possível compreender melhor o posicionamento da sua marca no mercado.

Defina as personas

A persona é uma personagem semifictícia que retrata o seu cliente ideal. Defini-la é algo mais específico do que definir seu público-alvo (o que também é fundamental). Uma persona é construída a partir de pesquisas e da análise do perfil da sua clientela. Para a criação da persona, é necessário pensá-la como uma pessoa real. Então, estabeleça:

  • profissão;
  • idade;
  • composição familiar;
  • renda mensal;
  • hobbies;
  • redes sociais mais usadas;
  • interesses e necessidades;
  • características psicológicas e físicas;
  • preferências alimentares.

Controle o orçamento

Outra etapa essencial para o planejamento de marketing é estabelecer quanto se pretende gastar com as estratégias. Para isso, é necessário considerar quanto é esperado de retorno com as ações.

A definição de um orçamento será fundamental para evitar prejuízos e garantir uma margem de lucro. Então, estime valores para cada ação de marketing e estabeleça metas de desempenho para que o retorno esperado seja obtido. Lembre-se, também, de analisar o desempenho de cada campanha e estratégia durante e depois, para ter um direcionamento para as decisões futuras.

Dedicar-se à criação de um bom plano de marketing é um dos passos iniciais e essenciais para garantir o sucesso de um negócio. Por meio dele, você consegue preparar estratégias para diferenciar-se da concorrência e ganhar destaque no mercado, bem como atender às demandas e expectativas do seu público da melhor forma possível.

Agora, que tal se aprofundar mais no tema? Antes de ir embora, baixe gratuitamente um guia completo de marketing para restaurantes!

Por iFood

Por iFood

2 respostas

  1. Gostaria de material para propaganda, Temos espaço disponivél para outdoor! Temos espaço com 03 Tvs que ficam rodando propaganda indoor, pode me pasar o contato do resposavél pela area de Marketing? Fico no aguardo Jefferson

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

23/05/2024

Cultura data-driven: transforme dados em decisões estratégicas!

22/05/2024

Gestão de restaurante: passo a passo para alcançar o sucesso

21/05/2024

Melhoria contínua: o que é, objetivo e como aplicar