Cloud kitchen: conheça essa tendência

Cloud kitchen: leia este artigo e aprenda tudo sobre essa nova tendência que está ganhado espaço no mundo da gastronomia!

Você sabe o que é cloud kitchen? É um modelo de negócio que surgiu na Índia, onde os restaurantes operam com foco exclusivo no serviço de delivery, atendendo o público apenas por pedidos online. Diferentemente dos restaurantes tradicionais, que ainda recebem clientes com pedidos no próprio salão, na cloud kitchen, não existe esse local para atendimento presencial.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Abrasel, a expectativa é que, nos próximos anos, esse modelo de negócio cresça significativamente. Por isso, entender o que é e como funciona uma cloud kitchen é essencial para toda pessoa empresária que já é ou almeja entrar para o ramo alimentício e que deseja manter seu negócio competitivo no segmento.

Neste artigo, você vai entender como funciona uma cloud kitchen e quais são seus diferenciais em comparação com um restaurante tradicional, além de aprender as melhores dicas de como investir nesse modelo de negócio. Confira!

Como funciona uma cloud kitchen?

O conceito cloud kitchen, também conhecido como dark kitchen, virtual kitchen ou ghost kitchen, é bastante simples. Seguindo a ideia de economia compartilhada, diversas cozinhas podem atuar no mesmo ambiente de uma forma colaborativa, ou seja, diferentes serviços do ramo alimentício trabalham conjuntamente, cada um oferecendo um tipo de comida diferente.

Por exemplo, é possível funcionar um restaurante vegetariano, um japonês, um de comida brasileira, um local de doces artesanais, uma hamburgueria e uma pizzaria, todos juntos, mas independentemente.

O aluguel fixo do local é dividido entre todos os profissionais. Os pedidos podem ser recebidos por um funcionário comum a todos ou individualmente por cada restaurante, que vai distribuindo enquanto os clientes fazem as solicitações.

A equipe responsável pelo serviço de entrega pode ser compartilhada ou individual, tudo dependerá do que for decidido entre os envolvidos e do que possibilita mais lucro para todos.

Quais os diferenciais da cloud kitchen no mercado?

O modelo de serviço das cloud kitchens oferece diferentes vantagens em comparação com os negócios alimentícios mais tradicionais, proporcionando um caminho acessível para pequenos e médios empresários que desejam entrar para o segmento.

Além de ser uma opção de custo mais viável para quem pretende investir no empreendimento, também é uma alternativa flexível, rentável e tecnológica para grandes redes alimentícias que almejam expandir sua atuação.

A seguir, foram selecionados os principais diferenciais dessa nova tendência que já é uma realidade no mercado. Acompanhe!

Ambiente compartilhado

Uma característica fundamental das cloud kitchens é a opção de compartilhar a cozinha. Dessa forma, o modelo de negócio funciona como um tipo de coworking (trabalho colaborativo), no qual diferentes cozinhas utilizam o mesmo ambiente, podendo até desfrutar dos mesmos equipamentos para assim produzir e fazer as entregas dos pedidos.

Além da divisão do espaço físico, as cozinhas também dividem os gastos de locação do local, o que acaba ocasionando uma economia ainda maior na operação da cloud kitchen.

É bastante comum uma cozinha compartilhada disponibilizar diferentes tipos de comida, com ofertas diversificadas.

Contudo, dentro dessa divisão do mesmo espaço, é importante ressaltar a obrigatoriedade da cozinha obedecer aos processos rigorosos das normas de vigilância sanitária a fim de evitar contaminação cruzada.

Otimização de custos

Decidir por um modelo de negócio como cloud kitchen pode evidenciar um significativo aumento de produtividade e redução de custos.

Quando os estabelecimentos atendem somente visando o serviço de entrega, ocorre uma economia em aluguel, já que não é necessário gastar com um espaço com salão, mobiliário para o público e nem um imóvel em um bairro ou rua principal, onde o tráfego de pessoas é grande.

Além disso, por não ser necessário oferecer um atendimento presencial aos clientes, há uma diminuição nas despesas com folha de pagamento, já que o time da cozinha é mais enxuto.

Margem de lucro elevada

Como consequência dos custos operacionais, de infraestrutura e de manutenção serem baixos, a margem de lucro nesse modelo de negócio se torna bastante recompensadora. Com a facilidade de replicar o modelo de operação e o retorno financeiro atrativo, as cloud kitchens também são um conceito de trabalho com enorme potencial de escalabilidade.

Portanto, com a alta margem de lucro e custo de investimento menor, as cloud kitchens representam um risco mais baixo aos empreendedores.

Além disso, é importante destacar a importância do conhecimento e da experiência de mercado para fazer com que uma cloud kitchen funcione perfeitamente.

Facilidade de acesso

As cloud kitchens não necessitam de um endereço comercial que seja competitivo no sentido de tráfego de pessoas, mas é essencial que funcionem em lugares estratégicos da cidade.

Um ponto de fácil acesso contribui no objetivo de conseguir atender o maior número de consumidores, com um tempo de entrega rápido, além de economizar no combustível.

Como investir nesse modelo de negócio?

A cloud kitchen é uma excelente alternativa para você que deseja entrar no mercado, mas não possui tantos recursos financeiros para investir em um empreendimento físico próprio. Contudo, o que você precisará é de um valor para alugar o local em uma cozinha que já esteja em funcionamento.

Existem muitos lugares em que a cozinha já está montada, com os equipamentos que você necessita. As compras de adaptação ao seu negócio — basicamente embalagens e matéria-prima — provavelmente serão pequenas. Logo, à medida que as vendas forem sendo realizadas, já será possível pagar esse pequeno investimento inicial.

Além disso, é importante fazer um planejamento pensando na implementação de um marketing estratégico. No caso das cloud kitchens, os objetivos de marketing e o fortalecimento da marca no âmbito digital são ainda mais importantes para que o empreendimento consiga conquistar novos clientes, principalmente tratando-se de uma marca lançada recentemente.

Por isso, vale a pena fazer uma avaliação em relação ao custo de manter perfis ativos em redes sociais, criação de um website, campanhas de e-mail marketing, entre outros. Aliás, é necessário ressaltar ainda a importância de investir em um serviço de delivery para ter maior alcance e visibilidade no seu empreendimento de cloud kitchen.

Gostou deste conteúdo? Então, não vá embora sem antes baixar gratuitamente o Guia Completo sobre Marketing para Restaurantes.

Por iFood

Por iFood

6 respostas

  1. Ola Bom dia, eu tenho um imóvel em são Miguel-SP e gostaria de saber como posso alugar meu imovel para estas cozinhas compartilhadas

  2. Hi, Neat post. There’s a problem with your site in internet explorer, would check this… IE still is the market leader and a big portion of people will miss your fantastic writing due to this problem.

  3. Olá gostaria de tirar uma dúvida. No caso de uma cloud kitchen com 5 operações funcionando no mesmo espaço eu preciso de 5 cnpj? ou posso abrir com um cnpj várias lojas dentro do Ifood?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

23/05/2024

Cultura data-driven: transforme dados em decisões estratégicas!

22/05/2024

Gestão de restaurante: passo a passo para alcançar o sucesso

21/05/2024

Melhoria contínua: o que é, objetivo e como aplicar

 

Ingressos disponíveis!

Garanta sua presença no evento que vai mover o mercado de Food Delivery