Alimentação e Nutrição: como unir ambos em um negócio?

Entenda aqui a diferença entre Alimentação e Nutrição, e descubra como isso pode fazer um empreendimento alimentício decolar.

Alimentação e Nutrição são a mesma coisa? Saber o que cada uma significa é importante para um negócio do ramo alimentício prosperar. Afinal, com tantas informações acessíveis, o consumidor começou a ficar mais atento, entendendo a relação entre seus hábitos alimentares, saúde e qualidade de vida.

Para se ter ideia, há alguns anos uma pesquisa já apontava que 80% dos brasileiros buscam uma alimentação saudável. Imagine agora! Então, uma pessoa empreendedora nessa área alimentícia tem dois caminhos: construir um negócio mais do mesmo ou se destacar.

Este post vai ajudar na construção do segundo caminho, pois é ele que pode trazer receita, fidelização do cliente e boa reputação do estabelecimento. Continue lendo e aprenda como unir Alimentação e Nutrição no negócio!

O que significa Alimentação e Nutrição?

Alimentação é um processo de assimilação pelo organismo de tudo que as pessoas comem. Isso inclui tanto os alimentos com nutrientes quanto aqueles chamados “vazios”, que só contêm caloria, açúcar e gordura.

Já a Nutrição é um conceito diferente, embora relacionado à alimentação. Consiste no organismo receber os nutrientes que precisa e funcionar de modo saudável. Por exemplo, se o corpo precisa de energia, ele deve se nutrir de gorduras e carboidratos — em quantidades adequadas — assim como proteínas e vitaminas.

Um exemplo trivial que pode ser usado como um atrativo de clientes é um cardápio com produtos sem lactose, ou com itens sem glúten. É importante saber se na região do estabelecimento existem pessoas com intolerância, pois, dependendo da quantidade, pode valer a pena investir em pratos mais personalizados.

Quais são os pilares da Nutrição?

Após conferir os conceitos básicos da Alimentação e Nutrição, vale destacar que uma boa rotina alimentar não depende apenas de ingerir alimentos ricos em proteínas e vitaminas. Vai bem além, sendo que os 4 pilares da Nutrição são:

  • mente em equilíbrio;
  • sono adequado;
  • atividade física;
  • alimentação equilibrada e saudável.

Como trabalhar com Alimentação e Nutrição?

Mesmo com desafios, o ramo da alimentação costuma ser bastante aquecido. Tanto é que profissionais como o chefs de cozinha são sempre requisitados, pois a formação engloba, entre outras coisas, a criação de pratos não só sofisticados, mas também diferenciados e até mesmo exclusivos.

Conforme o reporte de Food&Tech Trends da GALUNION, o segundo maior desafio dos negócios do ramo alimentício é a atração de clientes, acompanhado do aumento das vendas. Ainda, algumas das coisas que o consumidor mais quer em um delivery ou restaurante são:

  • digitalização e rapidez;
  • preço;
  • comida gostosa;
  • novidades.

Por mais que não seja uma obrigação, ter formação técnica ou acadêmica em Gastronomia pode ajudar nesse processo de atrair clientes. Isso porque, na prática, os brasileiros precisam fugir dos chamados alimentos ultraprocessados, mas nem sempre encontram alternativas saudáveis e por um preço justo — agravando a insegurança alimentar.

Portanto, se a pessoa que gerencia um empreendimento alimentício quiser se destacar, um bom caminho pode ser investir em refeições mais saudáveis e acessíveis, tendo em vista o balanceamento da tabela de nutrientes.

Parcerias estratégicas

Contar com parcerias estratégicas também pode fazer a diferença. Afinal de contas, segundo o Otávio, consultor iFood, “ter pratos deliciosos não é o suficiente”. Vários outros fatores estão por trás do negócio e influenciam diretamente no sucesso, incluindo gestão, processos, contratação, fluxo de caixa, ficha técnica e gestão de estoque.

Ainda segundo o Otávio, “não fuja dos problemas” e “não deixe de lado a sua capacitação profissional”. Jogar as dificuldades debaixo do tapete não vai resolver, e se uma dessas dificuldades é a falta de capacitação, você deve parar um pouco para, pelo menos, estudar ferramentas, métodos e abordagens que vão melhorar o seu negócio.

Nesse sentido, o iFood Decola pode ajudar bastante, sendo uma plataforma com mais de 200 cursos, e com certificação, que ajudam você a desenvolver novas habilidades e, claro, mais oportunidades no mercado de alimentação e delivery.

Quando você sabe como trabalhar com Alimentação e Nutrição, é possível unir ambas em uma estratégia e faturar alto. Com as parcerias certas e o devido conhecimento das necessidades e gostos das pessoas, seu empreendimento terá grandes chances de prosperar, tornando-se até mesmo uma referência na sua região.

Curtiu? Aproveite a visita ao blog para baixar um guia útil e gratuito sobre o que é e como abrir uma Dark Kitchen!

Por iFood

Por iFood

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

20/05/2024

Confira como foi o Fórum de Restaurantes de Maio

20/05/2024

Embalagem para marmita: 6 melhores opções

19/05/2024

Promoção de vendas: 5 dicas para o seu sucesso