As melhores dicas para manter uma cozinha organizada!

Você sabe quais são as melhores dicas para manter uma cozinha organizada e otimizar o dia a dia de trabalho? Leia este artigo e descubra!

Manter a ordem no estabelecimento é o caminho para oferecer mais qualidade e evitar problemas nas refeições servidas. O ambiente que requer mais cuidado é a cozinha, onde os alimentos são preparados e necessitam do máximo de atenção, organização e higiene. Ou seja, uma cozinha organizada contribui para uma maior praticidade no dia a dia e para o armazenamento correto dos alimentos.

Se o objetivo é gerar uma boa experiência, é preciso criar um ambiente que, além de ser favorável para ao cliente, também seja para os colaboradores. Assim, eles poderão trabalhar de maneira criativa e motivada, dispostos a darem o melhor.

Aprenda as melhores dicas de como manter a cozinha do seu estabelecimento organizada!

Como manter a cozinha organizada?

Agora que você já entendeu um pouco mais sobre a importância de manter a cozinha organizada, é necessário conhecer algumas dicas que ajudarão na rotina do seu estabelecimento. Veja a seguir!

Tenha rotinas de limpeza e higiene

Existem alguns hábitos que devem ser integrados na rotina de todos os colaboradores a fim de que a cozinha esteja sempre limpa e organizada. Contudo, é fundamental ter o hábito de limpar tudo o que sujar após o uso.

Por isso, lave a louça depois das refeições ou, caso tenha uma máquina de lavar, faça a organização da louça suja que está dentro dela. Lembre-se de que talheres, pratos, mesas, tábuas, grelhas e os demais acessórios que fazem parte do estabelecimento devem estar sempre limpos para evitar a contaminação cruzada.

É necessário considerar também os itens de segurança, como aventais, luvas, toucas, botas e uniformes, bem como a limpeza dos eletrodomésticos, ainda mais quando se trata dos que mais são sujos durante o preparo dos pedidos.

Além disso, para facilitar o processo de limpeza e organização, você pode criar o hábito de lavar a louça enquanto cozinha. Isso evita que a pia fique cheia, gerando acúmulo de itens.

Não se esqueça de tirar o lixo todos os dias e de fazer a limpeza do ambiente constantemente. Esse é um hábito necessário para a rotina de qualquer estabelecimento do ramo alimentício, pois deixa a cozinha mais confortável para trabalhar e respeita as normas de higiene da vigilância sanitária.

Deixe os utensílios mais usados sempre à mão

Uma dica essencial para qualquer cozinha é deixar os utensílios mais usados sempre à disposição dos colaboradores. Portanto, equipamentos como panelas, facas, colheres, pegadores, frigideiras, fuês, espátulas, entre outros itens utilizados com mais frequência, devem ficar ao alcance dos cozinheiros sem precisar abrir armários e gavetas.

Existem diversas formas de fazer isso com prateleiras, ímãs para os utensílios metálicos, suportes de parede, tudo dependerá de como cada alternativa se adaptará à sua cozinha.

[rock-convert-cta id=”5255″]

Nesta categoria, também é possível citar os temperos e os condimentos. Os mais utilizados e com bastante duração fora da geladeira devem ficar próximos tanto por se tratar da organização da cozinha quanto por sustentabilidade.

Quando guardados na geladeira ou armários, esses utensílios são facilmente esquecidos no momento de cozinhar. Isso pode fazer com que percam o prazo de validade, devendo ser descartados.

Compartimentalize armários e gavetas

Ainda no sentido de facilitar a organização da cozinha por meio dos utensílios mais frequentes, dê atenção à importância da compartimentalização dos armários e gavetas.

A fim de não se perder no momento de procurar por panelas específicas e equipamentos, utilize separadores e nichos, sempre respeitando a organização estabelecida no começo para facilitar o acesso aos itens.

Uma cozinha organizada e limpa significa sempre ter o conhecimento de onde está cada coisa, além de abrir uma gaveta ou porta com a certeza do que vai encontrar.

Ou seja, o ideal é ter gavetas específicas para cada tipo de utensílio, nichos que separam diferentes talheres, panelas separadas por função e modelo. Além disso, jarros, canecas, vasilhas, tigelas, pratos e copos devem estar em seu devido lugar, organizado de maneira que estejam sempre à disposição na hora que precisar.

Ao fazer isso, pense no que o seu estabelecimento tem mais costume de preparar, que tipo de ingredientes, utensílios, condimentos e temperos mais utiliza. Caso tenha espaço, não faz sentido armazenar a farinha longe da bancada ou na despensa se a cozinha preparar bolos ou fizer massas e pães caseiros.

Delegue funções

Em uma cozinha organizada, cada funcionário deve ter sua função, colocando as atividades em prática durante o expediente. Embora talvez seja um pouco complicado, é importante ser o mais específico possível. Logo, os principais cargos encontrados em uma cozinha profissional são:

  • chefe de cozinha;
  • cozinheiro;
  • auxiliar de cozinha;
  • auxiliar de limpeza;
  • caixa;
  • gerente;
  • confeiteiro;
  • estoquista;
  • garçom.

Dependendo das necessidades do estabelecimento, a lista de cargos ainda pode se estender. No entanto, para que o fluxo da cozinha siga adequadamente e de forma organizada, é importante delegar trabalhos e funções. Além disso, ter bons fornecedores faz toda a diferença para sempre atender aos clientes com ingredientes de qualidade.

Mantenha a organização do freezer

O freezer é um aliado importantíssimo dentro de uma cozinha, porém qualquer distração pode provocar uma série de consequências para o estabelecimento. Por isso, é fundamental ficar atento ao funcionamento desse equipamento, começando pela separação de alimentos. Uma ótima opção é dividir legumes, carnes, frutas e frutos do mar em espaços diferentes.

Além disso, a fim de garantir a conservação de todos os alimentos no freezer, uma dica importante é guardar os itens mais novos no fundo. Assim, você diminui as chances de deixar a comida estragar por ultrapassar o prazo de validade.

Organize os alimentos no estoque

Uma boa gestão de estoque é essencial ao manter a cozinha do seu estabelecimento organizada. Portanto, é necessário ter um ambiente arejado para fazer a estocagem com cada alimento em seu lugar, elaborando seções e categorias, preferencialmente com embalagens e etiquetas.

O ideal é ter apenas um responsável por manter o estoque organizado, limpo e em dia com alimentos frescos. Isso fará com que o processo de produção de um prato seja muito mais prático e rápido, além de evitar a falta de algum ingrediente, decepcionando o cliente.

Agora que você já conhece as melhores dicas de como deixar uma cozinha organizada, é fundamental conhecer a cozinha do seu estabelecimento a fundo para definir a melhor organização possível, contribuindo com a produtividade e a eficiência no dia a dia.

Gostou deste post? Então, aproveite e leia agora mesmo o texto sobre como encantar seus clientes com um cardápio digital!

Por iFood

Por iFood

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

17/05/2024

Desvendando o ciclo do pedido: etapas, como medir e desafios

16/05/2024

À la carte: o que é, como funciona e dicas essenciais

15/05/2024

Negócios lucrativos: quais são e como garantir sucesso?