Brewpub: conheça essa tendência

Já ouviu falar no brewpub? Essa é uma forte tendência para o futuro dos negócios no setor alimentício! Conheça mais sobre ele neste post.

O Brasil é um lugar de apaixonados por cerveja! Para ter uma ideia, foram comercializados 13,3 bilhões de litros só em 2021 no país, sendo a casa o local favorito para o consumo. Para empreendedores, essa paixão se torna uma boa oportunidade de negócio: o brewpub!

Com bares e restaurantes funcionando regularmente, além de pedir entregas no conforto do lar, muita gente também gosta de curtir o hábito de tomar uma cerveja na rua. Esse tipo de empreendimento tem ganhado adeptos e é uma tendência internacional que tem tudo para ter força no nosso país, com boas chances de sucesso e também de ser eleito o favorito nos momentos de descontração.

Continue a leitura deste post para entender mais sobre o que é o brewpub e confira algumas dicas para investir nesse ramo.

O que é brewpub?

O brewpub é um estabelecimento especializado em cervejas, mas que não revende itens fornecidos por cervejarias terceirizadas, e sim produz sua própria bebida para comercializar. Com isso, é sempre fornecido chope fresco para seu público.

Essa categoria de estabelecimento é inspirada pelos países com tradições na produção de cerveja, como a Alemanha, em que é comum que todos os bares tenham fabricação própria; e nos Estados Unidos.

Como funciona?

O brewpub funciona como um bar e também um produtor de cerveja. O lugar tem carta própria de bebida e todo o ambiente é focado, justamente, para trazer essa experiência artesanal para o cliente, representando praticamente um estilo de vida.

Assim, é preciso pensar em um ambiente direcionado para essa imagem, criar um produto incrível e sempre inovar para os clientes.

Por que se tornou tendência?

A criação de brewpubs no Brasil ainda é um caminho que é pouco explorado. Pode ser uma oportunidade incrível para você embarcar nessa tendência e conseguir se destacar em uma área com muita demanda, mergulhando no universo das cervejas artesanais.

Esse é um empreendimento que dá mais autonomia para o gestor do que abrir um bar especializado em cerveja, que dependa de intermediários para funcionar. Por exemplo, se o seu fornecedor tiver um problema e não enviar determinado tipo de cerveja, seus clientes poderão ficar com uma impressão ruim do seu restaurante.

Os custos também podem ser mais interessantes quando olhamos para logística e envase — é possível fornecer a cerveja diretamente dos barris produzidos em seu negócio para os growlers (o recipiente certo para armazenamento de chopes e cervejas artesanais servidas na pressão).

Um ponto interessante nesse mercado é que o público brasileiro é muito receptivo para inovações em cervejas. Por isso, se você quiser inovar e testar receitas, poderá criar algo incrível e que gere fidelização do seu público.

Como abrir um brewpub e adaptar esse conceito à realidade do brasileiro?

Se você se interessou e quer aproveitar essa tendência para adaptar o conceito do brewpub para a realidade brasileira, confira a seguir dicas práticas que vão ajudar você a entender como funciona o brewpub e a ter sucesso nos negócios.

Procure o local certo

A localização é um ponto fundamental para o sucesso do seu brewpub. O lugar deve ser convidativo e estar em uma região que concentre um maior volume de pessoas do seu público-alvo, para haver movimentação.

Também considere um ponto que seja interessante para o sistema de entregas. Isso porque muitas pessoas compram growlers de cerveja para poderem receber os amigos em casa. Assim, se seu negócio estiver localizado em um ponto estratégico de saída, poderá atender a um número maior de pedidos, em diferentes regiões da cidade, e em um bom tempo.

Faça uma análise de mercado para identificar quais são os melhores pontos da cidade para o seu brewpub. Uma boa dica é estar em regiões mais residenciais da cidade, que tenham perfil de público alinhado com a tendência.

Invista em equipamento adequado

Produzir cerveja de qualidade exige que você tenha equipamento profissional para realizar o processo com a segurança necessária. Lembre-se de que a sua produção precisa estar alinhada com a legislação vigente e as diretrizes da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Sem isso, você pode sofrer sanções em caso de fiscalização.

Defina a variedade de cervejas que serão produzidas

Planeje qual será a carta de cervejas do seu brewpub. Uma das tendências desse tipo de negócio é ter uma carta com alguns tipos fixos com maior vazão, focadas em atender às expectativas e demandas do público seu negócio.

Você pode também montar uma cartela de cervejas sazonal, conforme os ingredientes. Isso porque determinados itens só estão disponíveis em maior quantidade em determinadas épocas do ano. Com uma estratégia para esses períodos, você pode reconquistar clientes atuais e atrair novos.

Edições limitadas comemorativas também são uma boa opção de inovar no cardápio. Aproveite eventos como a Copa do Mundo, final de campeonatos, entre outras ocasiões para oferecer uma bebida exclusiva.

Estude sobre produção de cerveja e novas técnicas

Entender sobre o processo de produção das cervejas artesanais é uma prática importante para fazer a gestão do negócio. Explore conteúdos disponíveis na internet e em livros sobre novas técnicas, tipos de bebidas e possibilidades de produção. Aproveite a movimentação e busque manter os estudos em dia, acompanhando as novidades na área para implementar em seu brewpub.

Faça cerveja boa de verdade

Além do público brasileiro gostar bastante de cerveja, ele também é exigente sobre o produto consumido. Então, garanta que o processo seja feito com qualidade para criar uma bebida realmente única e inesquecível. Ao oferecer um produto bom com regularidade, suas chances de fidelização aumentam bastante.

Defina um cardápio de alimentos para o seu brewpub

Um erro que pode prejudicar o negócio antes mesmo de tudo começar é não ter um cardápio incrível para a mesa do seu brewpub. Logo, para ter um bom diferencial, ofereça alimentos que harmonizem bem com as cervejas que você produz.

Confira um exemplo prático para inspirar a sua criatividade: a India Pale Ale (conhecida no Brasil como IPA) harmoniza bem com pratos que são tradicionais da culinária baiana (acarajé, vatapá) ou, ainda, com linguiça artesanal e com hambúrgueres artesanais.

É possível indicar as melhores opções de harmonização no cardápio e aumentar o valor médico de consumo do cliente em seu brewpub. Vale dizer que esse cuidado precisa estar presente também na opção de cardápio digital.

Você viu aqui que o brewpub é uma tendência em alta em um país com gente apaixonada por cerveja como o Brasil! E lembre-se de que outra tendência importante é o sistema de entregas.

A escolha por bons parceiros para o seu produto chegar até os clientes da melhor maneira é fundamental. Problemas na entrega podem prejudicar a experiência do cliente.

Agora que conheceu mais sobre esta opção de empreendimento, aproveite para se inspirar em melhorias para seu negócio. Saiba como investir em tecnologia para restaurante!

Por iFood

Por iFood

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

12/07/2024

Aperte o play: o Papo de Mercado começou!

11/07/2024

Growth Marketing: entenda como aplicar no negócio para aumentas as ...

10/07/2024

Case de sucesso: entenda como o Forno Paulista voou com o iFood