ISO 22000: entenda essa norma

A ISO 22000 ajuda a evitar prejuízos à saúde do cliente e traz mais oportunidades de negócios. Saiba como implementar no seu estabelecimento!

Atender os requisitos de qualidade e segurança nos alimentos em cada etapa de produção é fundamental para qualquer estabelecimento que deseja sucesso. A ISO 22000 foi criada para ajudar as empresas do ramo alimentar nesse sentido, estabelecendo padrões com o objetivo de garantir as melhores condições em toda a cadeia de produção.

É importante entender todos os critérios que a ISO 22000 considera, além da importância dessa regulamentação e quais são os principais benefícios que ela traz para o seu negócio.

Continue a leitura e saiba o que é a ISO 22000 e como garantir seu cumprimento no negócio.

O que é a ISO 22000?

A ISO 22000 é uma regulamentação internacional que tem o objetivo de definir os requisitos necessários para a gestão da segurança na produção dos alimentos. Complementar à ISO 9001, essa norma pode ser implementada em qualquer empresa do ramo alimentício que deseja estar em conformidade com o padrão internacional.

Sua intenção é harmonizar a metodologia de gestão ao nível global, fazendo com que as organizações envolvidas em toda a cadeia alimentar — da colheita à mesa do consumidor — sigam um processo de segurança mais integrado e coerente.

Qual a importância da ISO22000?

Alimentos manuseados de forma inadequada ou mal-acondicionados podem provocar sérios prejuízos à saúde dos clientes. Em casos mais graves, pode existir até mesmo o risco de morte. Por isso a importância de seguir os requisitos de segurança alimentar, desde a fabricação dos insumos até as etapas de empacotamento, transporte e armazenamento.

Ao investir na implementação dessa norma em seu empreendimento, serão estabelecidas práticas diárias de trabalho a serem seguidas. Elas devem garantir que os alimentos cheguem com toda a segurança aos clientes. Para isso ser possível, é fundamental seguir uma série de etapas, o que permite estar em ordem com cada diretriz estabelecida na ISO 22000.

Quais são seus benefícios?

São várias as vantagens de estar em conformidade com a ISO 22000 e ter acesso à certificação. A seguir, confira quais são as principais delas!

Controle de risco na cadeia de suprimentos

Ao seguir os direcionamentos previstos nos requisitos da norma ISO 22000, você terá um controle melhor em relação à cadeia de suprimentos do seu estabelecimento. Como consequência, isso reduz os riscos relacionados aos alimentos e ainda promove a segurança dos clientes e colaboradores do seu negócio.

Um exemplo nesse sentido é a possibilidade de identificar contaminação cruzada, evitando o comprometimento da segurança dos alimentos.

Transparência na prestação de contas

É comum que os clientes queiram saber qual a origem e conhecer como funciona todo o processo que o alimento passou até chegar à sua mesa, a tendência dos alimentos orgânicos é um exemplo disso. Isso faz com que seja importante manter tudo em ordem e seguir uma base padrão que seja consistente.

Ao estar de acordo com a regra ISO 22000, o empreendimento repassa maior transparência em relação à prestação de contas e responsabilidades das operações. Dessa forma, o estabelecimento também transmite maior confiança no mercado para todas as empresas envolvidas no processo.

Implantação de processos com reconhecimento internacional

Por se tratar de uma certificação internacional, os processos da ISO 22000 também seguem esse padrão. Assim, sua implementação faz com que o seu negócio adquira reconhecimento de qualidade mundial no comprometimento em relação aos produtos que oferece.

Robustez na imagem da marca aos clientes e colaboradores

A certificação demonstra o comprometimento do seu negócio com as normas de segurança alimentar. Assim, oferece como vantagem o aumento do reconhecimento da marca também para clientes e colaboradores.

No primeiro caso, o cliente ganha mais confiança no estabelecimento, que entrega alimentos de acordo com suas expectativas e dentro do padrão de segurança. Já os colaboradores sentem-se mais seguros durante o manuseio e processo de preparação dos pratos.

Mais oportunidades de negócios

A padronização às normas favorece novas oportunidades para o seu empreendimento. Ter a certificação garante melhor reputação não apenas em relação aos pontos de contato mencionados anteriormente, mas também com fornecedores e investidores no mundo todo. Assim, também proporciona maior competitividade, além de favorecer futuras ideias de negócios, como a possibilidade, inclusive, de abrir franquias multinacionais.

Como garantir o seu cumprimento?

Até agora, você viu o que é a ISO 22000 e quais são os benefícios que essa norma confere para o seu negócio. Mas como fazer para ficar em conformidade com as regras e, ainda, garantir mais segurança alimentar em seu empreendimento? Confira a seguir:

  • estruture e capacite uma equipe de segurança de alimentos, que será responsável por verificar as entradas e saídas dos produtos, bem como a categoria a qual pertencem;
  • elabore formulários de controle e faça a documentação das atividades;
  • crie um fluxograma para cada processo de trabalho no restaurante, acrescentando as entradas e saídas esperadas;
  • apresente os pré-requisitos de segurança de alimentos, como os procedimentos necessários para evitar a contaminação cruzada, exames de saúde dos colaboradores, controle de pragas, entre outros;
  • estabeleça especificações para o uso de matérias-primas e produtos (desde o uso da água e de equipamentos até a definição das embalagens) conforme as referências das normas da ISO;
  • identifique e liste os potenciais riscos físicos, químicos e biológicos dos alimentos para que os profissionais estejam cientes ao manipulá-los em cada etapa do processo;
  • após determinar a metodologia para avaliar os perigos, defina aqueles que representam alto risco e os de baixo risco;
  • estabeleça a aceitabilidade dos riscos e elabore um plano de ação para reduzir os principais e eliminar aqueles que estiverem acima do nível aceitável;
  • certifique-se de que as tomadas de decisão para o controle dos riscos estejam alinhadas às estratégias do seu empreendimento;
  • após a implementação das medidas citadas, elas devem ser verificadas periodicamente.

Essas foram algumas etapas que devem ser colocadas em prática para alcançar a certificação. Atestar a segurança dos seus alimentos seguindo as exigências da ISO 22000 para os seus clientes é fundamental para a evolução do negócio. Não deixe de avaliar seus objetivos e definir as bases para ter essa importante certificação internacional.

Continue se preparando para o crescimento do seu negócio! Leia este post sobre o futuro da indústria de alimentos no Brasil!

Por iFood

Por iFood

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

21/06/2024

Dia das Crianças: o que vender nessa data?

20/06/2024

Marketing para restaurantes: especialista mostra como começar

19/06/2024

Como funciona o Imposto de Renda MEI?