Recrutamento e seleção: especialista apresenta as melhores práticas

Saber o que é recrutamento e seleção, assim como apostar nas melhores práticas para a contratação de novos profissionais, é uma tarefa importante ao gerenciar um negócio. Confira!

Saber o que é recrutamento e seleção, assim como apostar nas melhores práticas para a contratação de novos profissionais, é uma tarefa importante ao gerenciar um negócio. Afinal, a escolha dos colaboradores faz toda a diferença na qualidade dos serviços e do atendimento aos clientes.

Sem tempo para ler? Clique no play abaixo para ouvir esse conteúdo.

Com uma estratégia eficiente de seleção de pessoal, é possível encontrar os profissionais que mais se alinham com a proposta do negócio e estão dispostos aproveitar o ambiente de trabalho para o desenvolvimento de carreira. Com isso, você cria uma troca mútua que contribui para o crescimento de todos.

Neste artigo, Camila Miranda, bacharel em Psicologia pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), traz algumas dicas de como investir em boas técnicas para o recrutamento no seu negócio de alimentação. Acompanhe e conte com um quadro de profissionais de sucesso!

O que é recrutamento?

O conceito de recrutamento diz respeito às fases iniciais da contratação de novos funcionários. Corresponde ao processo de busca por candidatos para ocuparem uma vaga de emprego em um negócio.

Durante as fases de recrutamento, é possível divulgar a vaga, avaliar o perfil dos candidatos, filtrar os profissionais e realizar as etapas de seleção, que direcionam para a escolha e a contratação de novos funcionários.

Por esse motivo, é importante saber que recrutamento e seleção andam lado a lado quando o objetivo é integrar novos profissionais no quadro interno do negócio. Quanto mais criteriosas forem essas fases, mais fácil será encontrar talentos que combinem com o perfil do seu negócio e ofereçam um bom atendimento ao cliente.

Quais as melhores práticas de recrutamento e seleção?

Mas e depois de anunciar as vagas abertas? Como apostar nas melhores práticas? Entender o que é recrutamento já é um excelente começo. Agora, é o momento de dar ênfase em cada detalhe para selecionar os melhores profissionais para o seu negócio.

A seguir, confira algumas dicas de como caprichar no processo de recrutamento e seleção de profissionais da cozinha, entrega, atendimento e demais funções para o seu negócio!

Triagem de currículos

A partir dos anúncios de vagas, os profissionais vão enviar os currículos, seja de forma online, seja presencialmente, para serem avaliados. Nessa fase, você precisa fazer a triagem para filtrar as opções e se concentrar nas candidaturas que realmente preenchem o perfil da função.

Ao fazer a triagem dos currículos, o ideal é se preocupar em observar características relevantes para a vaga aberta, como:

  • formação acadêmica;
  • experiência profissional;
  • disponibilidade de horários;
  • habilidades.

Após separar os melhores currículos, você pode entrar em contato com esses candidatos para agendar uma entrevista. Assim, é possível conhecer melhor cada profissional e dar sequência às próximas fases de recrutamento e seleção.

Entrevistas de seleção

Nas entrevistas ocorrem conversas diretas com os candidatos, podendo ser por ligação de vídeo ou em uma reunião presencial. Para se preparar para essa fase, é interessante selecionar algumas perguntas-chave que vão tirar as principais dúvidas que você tem sobre o entrevistado especificamente ou todos os candidatos.

Esse é o momento de avaliar se o perfil do profissional está alinhado à cultura organizacional. Por isso, vale sempre ter em mente quais são as suas expectativas em relação ao quadro de colaboradores do seu negócio.

Camila destaca um comportamento importante desde o início da entrevista de seleção: “primeiramente, é importante que o gestor esteja atento à forma como o candidato se comporta durante a entrevista. A linguagem corporal pode oferecer pistas valiosas sobre a personalidade e o estado emocional do candidato. Por exemplo, alguém que mantém contato visual e tem uma postura aberta pode demonstrar confiança e sinceridade.”

Aproveite o momento também para fazer perguntas comportamentais. Assim, você consegue identificar as principais habilidades socioemocionais dos candidatos, como resiliência, inteligência emocional, empatia, liderança e boa comunicação.

Camila continua: “outra dica é observar a maneira como o candidato fala sobre experiências passadas e relacionamentos de trabalho. Isso pode revelar muito sobre sua capacidade de trabalhar em equipe, respeitar a diversidade e lidar com o estresse.”

Testes e avaliações

O processo de recrutamento e seleção não precisa acabar nas entrevistas. É possível fazer testes e avaliações para ver, na prática, como o profissional atua e qual é a sua motivação no trabalho. Com isso, fica mais fácil identificar os candidatos ideais para o perfil do seu negócio.

“Testes e avaliações podem ser ferramentas muito úteis no processo de recrutamento, pois podem fornecer informações objetivas e quantificáveis sobre os candidatos. No entanto, é importante utilizá-los de maneira correta e ética para garantir uma seleção precisa e justa”, destaca Camila Miranda.

Para isso, procure testes validados na área de Gestão de Recursos Humanos. Desse modo, você tem parâmetros para avaliar os aspectos técnicos e comportamentais dos candidatos.

Além disso, caso queira observar como os profissionais se comportam em situações de trabalho em grupo, dá para investir em avaliações em equipes ou experiências diretamente no ambiente laboral.

Tomada de decisão e contratação

Após avaliar o currículo, as respostas da entrevista e os resultados dos testes e avaliações, chega o momento de decidir quais serão os candidatos selecionados. O processo de tomada de decisão pode ser desafiador em alguns momentos e deve considerar todos os detalhes observados.

Isso porque, ao sentir dúvidas entre 2 ou mais profissionais para uma vaga, são as pequenas particularidades que vão ajudar na decisão. Às vezes, um momento de proatividade nos testes ou uma resposta surpreendente na entrevista são os diferenciais para identificar os talentos mais aptos para o cargo.

Integração de novos funcionários

O processo de contratação não acaba após assinar o contrato. Afinal, é importante que o novo colaborador seja integrado ao grupo de funcionários, principalmente para conhecer a rotina do estabelecimento, na prática.

Sendo assim, invista em dinâmicas de integração dos profissionais. Na área de gestão de pessoas, esse processo é chamado de onboarding, que nada mais é do que o período de socialização entre antigos e novos colaboradores, a fim de criar uma equipe colaborativa e coesa.

Saber o que é recrutamento e qual a sua importância na escolha de novos talentos faz toda a diferença para elaborar uma boa estratégia de negócios. Assim, quem atua na gestão de empresas de alimentação pode desfrutar da tranquilidade de ter equipes completas, que desenvolvem um trabalho de qualidade, promovendo o sucesso do estabelecimento.

Gostou do post? Então, confira também como melhorar a produtividade da equipe e ter uma rotina cada vez mais otimizada!

Por iFood

Por iFood

5 respostas

    1. Oi Sara, tudo bem? Temos um time de especialistas para te ajudar! Para acioná-lo, vá ao Portal do Parceiro, clique em “Chamados e ajuda” e logo depois em “Atendimento”. 😉

  1. Preciso falar com alguém!

    Meu email de redefinição não chega pra mim

    Não consigo entrar no portal do parceiro

    Não tenho uma senha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

23/02/2024

Prepare-se já! Aproveite as datas comemorativas de março!

23/02/2024

Quais são os planos iFood para negócios parceiros?

23/02/2024

Confira as mudanças nos destaques do Cardápio no aplicativo do cliente

 

Chegou o iFood Move!

O maior evento para restaurantes da América Latina!