Qual a função da hostess em um estabelecimento?

O que avaliar em uma candidata a hostess? Quais são as principais características de uma boa profissional? Confira no post!

Quando as pessoas saem de casa com o intuito de comer em um restaurante, bar, lanchonete ou bistrô, por exemplo, elas esperam um pacote completo: boa comida, bom serviço e atendimento de qualidade. Nesse sentido, a contratação de uma hostess é uma ótima ideia para enriquecer a experiência do consumidor.

Essa profissional tem diversas funções na logística de um estabelecimento alimentício. Ela recepciona as pessoas, as orienta sobre seus lugares e até mesmo sana dúvidas sobre itens do cardápio e condições de pagamento.

Continue a leitura do post para entender mais sobre a profissão de hostess!

O que é uma hostess?

A tradução da palavra inglesa dá uma boa ideia do significado: anfitriã. Esse termo é melhor que “recepcionista”, uma vez que o trabalho da hostess vai além da simples recepção. É importante notar que também existe a figura do host, a versão masculina dessa profissional.

A hostess trabalha principalmente no atendimento ao público. Assim, suas atribuições englobam a recepção de clientes, a condução até a mesa e até mesmo a apresentação das características do estabelecimento.

As funções de uma hostess lembram um pouco as do maître, mas a diferença é que ele tem mais responsabilidade dentro de um estabelecimento, pois cabe a ele sugerir combinações de comidas e bebidas e ter um contato próximo com o chef para a apresentação do cardápio.

Uma hostess eficiente garante uma boa impressão logo na chegada dos clientes ao estabelecimento, já que ela os receberá cordialmente e os encaminhará até as mesas. Essa profissional complementa o ecossistema do negócio, porque os garçons costumam estar muito atarefados para fazer essa recepção.

Qual a função da hostess nos estabelecimentos?

A função principal é recepcionar os clientes para que eles se sintam acolhidos logo na chegada. A presença dessa profissional é crucial ao evitar aquelas situações nas quais as pessoas chegam ao estabelecimento e demoram um bom tempo para serem atendidas.

Essa falha é grave, uma vez que compromete até mesmo a reputação do negócio e inviabiliza a fidelização de clientes. Por isso, ter alguém logo na entrada com a função de interagir com as pessoas é uma das principais funções da hostess. Outras características de uma boa profissional são:

  • atendimento humanizado e gentileza para lidar com as pessoas;
  • boa capacidade de coordenação, como o conhecimento das mesas e de lugares vagos para pessoas que acabaram de chegar;
  • boas maneiras e etiqueta de acordo com os valores do estabelecimento;
  • conhecimento dos pratos, das bebidas e da rotina do estabelecimento;
  • capacidade de tirar dúvidas;
  • desenvoltura para resolver problemas, como reservas duplicadas ou falta de lugares;
  • direcionamento dos clientes até as mesas e checagem da lista de reservas;
  • realização de agendamentos;
  • organização das filas de espera.

É importante não confundir essa profissional com outras funções, como a de promotores. A hostess não divulga o estabelecimento e não participa do marketing estratégico: seu trabalho está ligado ao atendimento direto.

Outra confusão — e até estereótipo — é acreditar que toda hostess deve ter um padrão de estética. A característica mais valorizada em uma profissional do ramo não é o seu tipo de aparência, mas a capacidade de se comunicar bem e o conhecimento da rotina do negócio.

Quais as vantagens de contratar uma hostess?

Após entender as funções dessa profissional, confira os benefícios diretos de contar com ela em seu estabelecimento.

Atendimento direto aos clientes

A hostess é uma espécie de guia dos clientes. Pode-se pensar nas principais funções de um estabelecimento alimentício: cozinheiros, garçons, gerente. Contudo, todos eles têm diversas atribuições durante o expediente, portanto fica difícil para eles coordenarem o atendimento e a recepção de maneira adequada.

Versatilidade

Embora seja mais comum em restaurantes, elas também podem atuar em bares, hotéis, festas, eventos, boates e demais lugares que tenham atendimento direto ao cliente.

Boa comunicação e resolução de problemas

Uma boa hostess também sabe se comunicar muito bem. Isso será muito importante para lidar com clientes difíceis, confusões em relação a lugares marcados e distribuição de mesas.

Ao enfrentar problemas que acometem qualquer comércio alimentício, nada melhor do que contar com uma pessoa treinada para o contato direto com o cliente, alguém que tenha autocontrole e boa capacitação diante dos obstáculos.

Satisfação dos clientes

A hostess também tem um papel importante na jornada de compra do cliente, uma vez que esse processo engloba desde a recepção até o momento em que o consumidor deixa o local.

Assim, um atendimento de qualidade logo na chegada aumenta as chances de que os clientes saiam satisfeitos. Não será nada mau se a marca for identificada como aquela que tem uma hostess simpática e acolhedora logo na entrada.

Nesse sentido, a hostess se torna uma das referências de qualidade do estabelecimento. Alguns clientes podem ter enfrentado semanas difíceis e desgastantes no trabalho e na vida pessoal, logo ser recebido por uma profissional agradável e comunicativa pode ser o que essa pessoa precisa para recuperar o bom humor.

Modernização do estabelecimento

A contratação de uma hostess mostra que o estabelecimento está antenado às tendências do mercado e às necessidades dos consumidores. Essas características podem ser enfatizadas pela empresa para diferenciá-la dos seus competidores e incluídas entre os objetivos de marketing.

Como contratar uma hostess para o seu empreendimento?

Estabelecimentos que queiram contar com essa profissional devem buscar alguém que reúna as seguintes características:

  • paciência;
  • proatividade;
  • comunicação clara e gentil;
  • discrição;
  • gentileza;
  • autonomia.

Em relação à formação, não há uma graduação específica para a função. Então, é necessário checar a experiência e o modo como aquela candidata se relaciona com as pessoas.

Como hotéis também costumam ter hostess em seus restaurantes, a graduação (ou curso técnico) em hotelaria pode ajudar muito. A formação em gastronomia também é um diferencial, uma vez que muitas vagas para hostess enfatizam a necessidade de conhecer bem o cardápio.

É preciso lembrar de que a hostess lida com algumas situações delicadas, como a organização de filas, a checagem de reservas e a prestação de informações. Por isso, nada melhor do que priorizar profissionais versáteis que tenham empatia para conversar com as pessoas e resolver problemas.

A hostess é uma profissional versátil que melhora a qualidade do atendimento. Ela pode ser alocada em qualquer estabelecimento alimentício, já que suas características se encaixam não só em restaurantes, mas também em bares, hamburguerias, cantinas, pizzarias, entre outros.

Aproveite a visita e descubra como construir e encantar seus clientes com um cardápio digital!

Por iFood

Por iFood

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

23/04/2024

Não julgue APENAS pela casca: veja como escolher os melhores legume...

23/04/2024

Embalagem de produtos: transformando compras em experiências

23/04/2024

Conheça 4 molhos para macarrão que são deliciosos

 

Ingressos disponíveis!

Garanta sua presença no evento que vai mover o mercado de Food Delivery