Como montar um restaurante italiano de sucesso?

Confira as dicas sobre como montar um restaurante italiano de sucesso, que garanta lucratividade e clientes fiéis.
8 Min
restaurante italiano

Quem deseja montar um restaurante italiano, já deve saber que essa culinária é muito apreciada no mundo, inclusive no Brasil. Para você ter uma ideia, 41% dos brasileiros preferem a culinária italiana em relação a outras estrangeiras quando o assunto é comer fora.

Mas antes de empreender nesse ramo, você precisa cuidar de uma série de detalhes essenciais para alcançar o sucesso. Para começar, o ideal é ter um bom conhecimento não só sobre a gastronomia, mas também a tradição da Itália.

Confira como montar um restaurante italiano, veja as dicas para criar o cardápio e seus diferenciais!

Quando e como abrir um restaurante italiano?

Antes de abrir um restaurante especializado em comida italiana, você precisa pensar em várias etapas. O primeiro passo é a elaboração de um bom plano de negócio, a fim de guiar as metas do seu empreendimento. Veja mais alguns detalhes sobre como e quando começar!

Busque capacitação profissional

De acordo com Otávio Costa, consultor de Vendas do iFood, investir em capacitação profissional proporciona mais ferramentas para tomar decisões e você ganha tempo na sua rotina. Também possibilita conquistar novos frequentadores, ficar por dentro das tendências do mercado e se manter atualizado.

Procure ainda entender sobre a tradição do país e invista em cursos de culinária específicos sobre a gastronomia italiana. Assim, você aprende mais em relação aos ingredientes e temperos e como usá-los na sua cozinha.

Invista na estrutura e decoração

Adquira equipamentos para cozinha adequados, a fim de criar cardápios de qualidade e de maneira eficiente. O conforto da clientela também deve ser considerado ao comprar as mesas e cadeiras, além da limpeza e organização do local.

O ambiente dos melhores restaurantes italianos no Brasil faz com que os clientes se sintam transportados para a Itália. Por isso, capriche também na decoração temática do salão e nas vestimentas dos atendentes.

Escolha bons fornecedores e colaboradores

Quando o cliente vai ao restaurante em busca de comida italiana, espera provar sabores variados e ingredientes frescos. Então, contar com bons fornecedores é essencial para garantir insumos de qualidade com preços adequados.

Também é fundamental não se sobrecarregar. Para Otávio, o ideal é “ter uma equipe em quem você confia para delegar as tarefas”.

O que servir em um restaurante italiano?

A culinária italiana é muito ampla, oferecendo um leque de opções para o seu negócio. Além de um bom nome para restaurante, ingredientes como azeite, queijos e massas não podem faltar. Acompanhe as dicas para compor o seu cardápio:

  • macarronada;
  • queijos variados;
  • molhos tradicionais;
  • radite;
  • pizza;
  • lasanha;
  • polenta;
  • nhoque;
  • risoto;
  • tortellini;
  • tiramisu;
  • pannacotta;
  • gelatto;
  • vinhos.

A escolha dos itens para o cardápio vai depender de fatores como o público-alvo e o conceito do seu restaurante. Seja como for, capriche sempre nos detalhes do preparo e na apresentação.

Como divulgar para o público adequado?

Otávio ainda conta que “existem vários fatores que interferem no sucesso do negócio”. Além de servir itens deliciosos, a atenção à gestão, aos processos, ao fluxo de caixa e à contratação, por exemplo, também conta. Outro ponto é se preocupar com a divulgação do estabelecimento.

Organize eventos temáticos para atrair a atenção dos consumidores. Invista ainda em marketing digital com foco na experiência de provar a típica gastronomia italiana. Evocar as emoções do público e criar parcerias são outras ótimas alternativas.

Em quais diferenciais investir?

No setor de restaurantes, uma boa estratégia é investir em música ao vivo, então você pode apostar na típica italiana. Esse é um ótimo atrativo, que pode ser oferecido aos clientes semanal ou mensalmente para dar um clima especial ao ambiente.

Ofereça opções orgânicas de vinhos e dos ingredientes usados no preparo dos alimentos. Itens veganos, vegetarianos, sem glúten ou lactose também são diferenciais cada vez mais atrativos para o público.

Abrir restaurante italiano continua sendo uma boa opção para investir. Com uma culinária bem-aceita no país, é um setor com grande potencial de crescimento. Há espaço para todos, desde que o empreendimento seja executado com um serviço de qualidade.

Gostou da leitura? Aproveitando o tema, confira agora nosso post sobre como investir em um restaurante temático!

Por iFood

Por iFood

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

21/05/2024

Melhoria contínua: o que é, objetivo e como aplicar

20/05/2024

Confira como foi o Fórum de Restaurantes de Maio

20/05/2024

Embalagem para marmita: 6 melhores opções