Como funciona o iFood para restaurante

Potencialize seu alcance e aumente suas vendas: entenda como funciona o iFood para restaurantes neste post!

O serviço de entrega de comida conquistou os consumidores brasileiros. Com as medidas de isolamento social desencadeadas pelo coronavírus, o delivery ganhou ainda mais força no mercado. Uma pesquisa realizada pela Mobile Time e pela Opinion Box concluiu que 72% das pessoas que têm um celular com acesso à internet pediram um serviço de entrega nos últimos anos.

O iFood serve de ponte entre clientes e restaurantes, entregando mais de 60 milhões de pedidos por mês. Mas além de atender clientes, o iFood para restaurantes é um apoio estratégico em mais de 270 mil negócios parceiros, ajudando a aumentar as vendas e promover uma operação facilitada.

Ver negócios crescendo e ajudar empreendedores a alcançaram seus sonhos grandes é um dos objetivos do iFood. Por isso, o iFood é muito mais que um canal de vendas: é uma plataforma que ajuda você a gerenciar diferentes frentes do seu negócio.

Quer entender como funciona o iFood para restaurantes? Continue a leitura e entenda como seu negócio pode crescer com o iFood.

Como funciona o iFood?

Para que milhões de clientes sejam atendidos, o iFood desenvolveu um ecossistema que envolve, também, pessoas entregadoras e estabelecimentos parceiros. Oferecendo uma vida prática e prazerosa aos clientes, o iFood busca revolucionar o universo da alimentação. Enquanto isso, mais oportunidades de trabalho são gerados para empreendedores e pessoas entregadoras.

iFood para clientes

Aqui o foco são os consumidores finais, ou seja, quem baixa o aplicativo para achar um bom restaurante e pedir comida. A prioridade é garantir uma experiência prática e transparente. O cadastro no aplicativo exige dados simples, como nome, e-mail e endereço. Em seguida, com base no CEP informado e no raio de atuação dos restaurantes parceiros, o cliente encontra as opções disponíveis na região.

Ações promocionais fazem parte dessa experiência. Os clientes que estão na plataforma podem desfrutar de promoções e cupons de desconto, encontrando incentivos de compra. A relação dos restaurantes com os clientes é fundamental para promover uma boa experiência. Por isso, os restaurantes conseguem, pelas próprias ferramentas do iFood, falar com os clientes para tirar dúvidas, agradecer pelo pedido e fortalecer laços.

A boa experiência dos clientes é fundamental para o bom desempenho do restaurante no aplicativo. Isso porque, após concluir um pedido, os clientes atuam avaliando o pedido, desde a comida até a embalagem. As lojas com melhor desempenho podem aparecer mais no iFood, encontrando mais oportunidades para conquistar e fidelizar mais clientes.

iFood para pessoas entregadoras

As pessoas entregadoras são parceiras fundamentais no ecossistema iFood. São elas as responsáveis por levar os pedidos ao conforto dos clientes. Além disso, ao contar com as modalidades de entrega de comida no iFood, os restaurantes não precisam contratar profissionais exclusivos para sua loja.

Em 2020, foram investidos mais de R$ 100 milhões em iniciativas de proteção à saúde das pessoas entregadoras, para assegurar que, enquanto todo mundo estava em casa se cuidando, elas trabalhariam de forma segura. O saldo é mais que positivo: são mais de 200 mil pessoas entregadoras ativas na plataforma, para atender aos milhares de pedidos no aplicativo.

Boa parte desse número se dá na facilidade em trabalhar com o iFood. Os profissionais têm dado preferência ao modelo de trabalho flexível, ou seja, com a possibilidade de criar seus próprios horários, adaptando a demanda com a sua rotina. Além disso, tem a praticidade de se cadastrar no aplicativo e realizar as atividades em qualquer área com cobertura iFood, afinal, as entregas são selecionadas por eles mesmos, considerando distância, tempo de entrega etc.

iFood para restaurantes

O iFood para restaurantes é a solução para aqueles empreendedores que têm fome de vender e querem colocar a mão na massa para atender bem os clientes. Mais do que um canal de vendas, o iFood é um parceiro estratégico dos negócios.

Por meio de soluções tecnológicas, o iFood busca contribuir com o delivery de comida em todo Brasil. Os restaurantes têm mais visibilidade, acompanham o desempenho do negócio em tempo real e, ainda, conseguem fazer uma gestão facilitada do restaurante.

As soluções tecnológicas oferecidas pelo iFood ajudam o empreendedor a otimizar o tempo e gerenciar as diferentes tarefas da rotina do negócio. Assim, você pode focar em atividades mais estratégicas para o crescimento do seu negócio.

Como funciona o iFood para restaurantes?

Os planos são práticos. O mais simples se chama Plano Básico e com ele, o parceiro tem direito a:

  • gerenciar os pedidos na plataforma com o Gestor de Pedidos;
  • aproveitar nossas estratégias de marketing;
  • ganhar descontos por meio de programas internos;
  • participar das nossas campanhas e promoções.

A principal diferença entre essa modalidade e a outra é que, nessa, o restaurante se responsabiliza pelas entregas. Já com o Plano Entrega o estabelecimento desfruta, além de todos os benefícios mencionados do Plano Básico, de:

  • apoio na entrega, com as pessoas entregadoras parceiras;
  • rastreio da entrega em tempo real;
  • atendimento até a entrega;
  • tecnologia de gestão de tempo de preparo e entrega.

[rock-convert-cta id=”9927″]

A escolha por um ou outro depende da necessidade do estabelecimento. Se o foco é a visibilidade que podemos oferecer e você já tem uma equipe própria de entrega, o Plano Básico é a melhor opção. Mas, se seu interesse é investir em uma experiência de ponta a ponta, com todo suporte necessário, o Plano Entrega vale mais a pena.

Contudo, é importante checar a disponibilidade da sua região, pois ele não está disponível em todo o Brasil. Ambos são livres de fidelidade, isto é, no contrato de adesão não há obrigatoriedade alguma quanto ao tempo de parceria.

Como vender no iFood?

Ter uma utilização estratégica das ferramentas disponíveis no aplicativo e do próprio espaço que se ganha na plataforma para potencializar as vendas é essencial para garantir o sucesso do negócio. Conheça algumas boas práticas para se diferenciar no aplicativo iFood.

Cardápio irresistível

Se o cliente está olhando as opções disponíveis no seu cardápio, é um bom sinal, mas ele ainda não foi fisgado. Uma das formas de garantir que isso aconteça é caprichando nas imagens e, principalmente, nas descrições do seu cardápio. Se possível, tire fotos com uma boa iluminação e que mostre bem os seus itens, destacando os ingredientes. Isso também vale para as descrições, que devem ser claras quanto à composição e tamanho dos pratos.

Capriche na produção das fotos do seu cardápio. Você pode utilizar um celular com uma boa câmera, fazer um bom empratamento, encontrar um bom ângulo e uma boa luz. Pronto! Mas lembre-se de jamais utilizar fotos tiradas da internet, já que isso pode gerar uma expectativa equivocada no cliente ao concluir o pedido, que pode refletir em uma experiência negativa.

O mesmo vale para a descrição. Boa parte da clientela faz observações sobre o prato, como retirar as azeitonas ou incluir queijo. Já pensou se você não inclui todos os itens e o consumidor é alérgico com aquele item que foi esquecido? Por via das dúvidas, peque pelo excesso: capriche na descrição das opções.

Experiência diferenciada

Que cliente não quer ser surpreendido? Fazer uma comida gostosa e entrega-la no tempo prometido não é mais suficiente para fidelizar quem está do outro lado. As pessoas desejam ser surpreendidas e agradadas, por isso, cabe aos restaurantes pensarem em alternativas criativas para saciar esse desejo.

Mais do que agradar clientes, as ações que buscam entregar uma experiência diferenciada são fundamentais para diferenciar o restaurante dos concorrentes. Um cliente surpreendido positivamente pode, além de fazer boas avaliações no iFood, compartilhar a experiência com os amigos ou nas redes sociais. É a tradicional propaganda boca a boca.

Não é preciso fazer grandes investimentos para isso: utilize a critividade. Avalie a possibilidade de enviar algum item complementar ou um simples cartão de agradecimento pelo pedido. Aproveite a ocasião para reforçar seus valores de marca e convidar os clientes para acompanharem suas redes sociais.

Preços competitivos

Fazer a precificação correta dos produtos é um passo necessário dentro da gestão do negócio. Isso porque é fundamental determinar um preço equilibrado e competitivo. Um cardápio com preços muito altos podem afastar consumidores; enquanto um com preços baixos pode prejudicar a margem de lucro do seu negócio.

Nessa etapa, vale a pena considerar:

  • custo dos ingredientes que compõem o pratos;
  • custos indiretos para o preparo, como gás, energia, aluguel etc.;
  • custo de mão de obra da equipe;
  • valor da margem de lucro, entre outros.

Para validar o valor final, vale a pena fazer uma análise dos preços oferecidos pelos concorrentes diretos, que são aquelas cozinhas do mesmo segmento que a sua, que atendem na mesma região que você. Mas lembre-se do diferencial competitivo do seu negócio nesse momento. Afinal, o que difere seu cardápio do concorrente também pode ser considerado na precificação.

Mas para atrair ainda mais clientes, vale a pena pensar em promoções. Você pode oferecer cupons de desconto, preços especiais em pratos determinados, cartões fidelidade ou frete grátis. Todos esses incentivos de compra são efetivos para atrair mais clientes e aumentar o desempenho de vendas do seu negócio.

Restaurantes que participam de promoções podem alcançar mais visibilidade dentro do aplicativo, além de aparecer em listas especiais. Os clientes também conseguem fazer filtros para escolher restaurantes, o que tende atrair ainda mais pessoas. Ao navegar no aplicativo, o cliente pode buscar por restaurantes que oferecem frete grátis, por exemplo, e encontrar sua loja.

Tempo de entrega

Ao olhar o cardápio para escolher um pedido, diferentes informações podem ser avaliadas pelo cliente. Cada uma essas informações pode ser determinante para realização do pedido, como preço, tipo de comida e tempo de entrega.

Por isso, parte fundamental na boa experiência ao cliente é a entrega do prato no prazo determinado no aplicativo. É importante preparar toda sua operação para que o tempo estimado seja cumprido. Vale a pena avaliar se alguns preparos podem estar adiantados, além de preparar bem a equipe para trabalhar com agilidade nesses momentos.

Ainda assim, dias mais movimentados podem acontecer na rotina do restaurante. Por isso, o atraso na entrega dos pedidos pode ocorrer eventualmente. Nesses momentos, o primeiro passo é ser transparente com o cliente. Vale a pena acionar o cliente pelo chat, se desculpar e pedir um pouco de paciência na espera. Assim você consegue se justificar e manter a expectativa alinhada.

Ao identificar que o pedido está atraso, o cliente pode abrir uma reclamação ou, até mesmo, solicitar o cancelamento do pedido. Esses casos interferem no bom desempenho da sua loja dentro do aplicativo iFood. A orientação, mais uma vez, é garantir a entrega de uma boa experiência ao cliente.

Bom atendimento

O cliente finalizou o pedido, mas esqueceu de incluir um item. Então, ele acessa o chat e solicita a alteração. Esse primeiro contato com o consumidor é uma ótima oportunidade para fidelizá-lo — ou perde-lo para sempre. Lembre-se de que a prioridade não é apenas atender, mas resolver o problema, oferecendo uma alternativa simples, de forma gentil e objetiva.

Nem sempre é possível investir em uma embalagem personalizada ou em um item a mais para complementar a entrega. Mas quando um atendimento bem feito acontece, o consumidor sequer sente falta de algo a mais. Inclusive, esse fator é determinante para fechar ou cancelar um pedido.

Por isso, não cometa o erro de subestimar o bom atendimento. A pessoa com quem seu cliente conversa representa seu estabelecimento e até o modo de falar depõe contra ou a favor disso. Promova um atendimento humanizado, respeitoso e amigável aos consumidores. Isso é essencial para criar laços de confiança com sua loja.

Como as taxas do iFood para restaurantes se tornam um investimento no seu negócio?

O iFood vai além de uma simples vitrine para o seu negócio. Por trás do aplicativo, há todo um ecossistema colaborativo que impulsiona o crescimento de negócios como o seu. O sonho de revolucionar o universo da alimentação é alimentado por todas as pessoas que trabalham diretamente com os clientes, pessoas entregadoras e lojas parceiras.

As taxas do iFood são um investimento no crescimento do seu negócio. Isso porque há diferentes frentes de trabalho dedicadas a oferecer uma operação cada vez mais inteligente para o seu negócio. Entenda mais!

Equipe iFood

A equipe do iFood conta com mais de 5 mil pessoas dedicadas a construir uma experiência cada vez melhor às frentes que compõem todo esse ecossistema. Tratam-se de profissionais qualificados, empenhados e entender as necessidades de clientes, pessoas entregadoras e restaurantes parceiros e, com isso, desenvolvem ações para oferecer uma boa experiência a cada uma dessas pessoasl

Tecnologia

O iFood é a maior foodtech da América Latina. Isso significa que, entre as empresas de tecnologia que trabalham com comida, o iFood tem os melhores números. Isso só foi possível pelos fortes investimentos no desenvolvimento de novas tecnologias que facilitem toda a operação.

Constantemente, há novas análises de mercado e testes para buscar medidas tecnológicas e inteligentes para o ecossistema. Quer um exemplo? As entregas de mercadorias via drones são estudadas e testadas pelo iFood, entendendo toda a tendência e potencial da modalidade para o negócio.

Inovação

Pensar em inovação vai além de consolidar uma ideia nova. A inovação pode ocorrer com mudanças simples, mas com potencial de gerar um grande impacto. É por isso que o iFood observa os detalhes da operação em busca de melhorias, inclusive nas soluções já existentes.

O iFood está entre as 10 empresas mais inovadoras da América Latina, conforme um relatório elaborado pela Fast Company. O produto responsável pelo reconhecimento foi a Conta Digital iFood: uma solução que atende os estabelecimentos parceiros com condições únicas.

Visibilidade

Mensalmente, mais de 60 mil pedidos são feitos no iFood. Pedir um iFood tornou-se sinônimo de pedir comida por delivery. Isso porque são milhares de clientes que utilizam a plataforma. Ao trabalhar com iFood, seu restaurante tem a possibilidade de ser encontrado por diversos clientes que estão no raio de distância que você atende.

Além disso, o iFood investe em diferentes canais de mídia para atrair mais clientes e incentivar as vendas. Essas iniciativas buscam fomentar o ecossistema, gerando mais oportunidades.

Quais são as vantagens do iFood para restaurantes?

Quando o assunto é inovação e inteligência de mercado, o iFood faz fortes investimentos. Prova disso é que, constantemente, novas soluções são oferecidas a clientes, pessoas entregadoras e lojas parceiras, agregando cada vez mais a sua experiência. Conheça as principais vantagens do iFood para restaurantes!

Portal do Parceiro

O Portal do Parceiro é uma ferramenta de gestão de negócio oferecida às lojas que trabalham com o iFood. Por meio dessa ferramenta, você consegue tomar ações como:

  • construir e editar o cardápio da sua loja;
  • desenvolver promoções;
  • acompanhar o desempenho de vendas;
  • monitorar o desempenho financeiro;
  • consultar e configurar informações do seu restaurante.

Esta é, também, a principal ferramenta de contato com o iFood. Dentro do Portal do Parceiro iFood você consegue solicitar apoio para resolver questões operacionais, intermediar a relação com o cliente ou, até mesmo, requisitar mudanças de plano, conta bancária, endereço, entre outras coisas.

Gestor de Pedidos

Organizar a demanda é um desafio para o negócio. O Gestor de Pedidos é uma ferramenta que ajuda a operação do restaurante nessa tarefa. Por meio dessa ferramenta, você recebe, despacha e gerencia a entrada e saída de pedidos.

O Gestor de Pedidos recebe constantes atualizações em busca de atender, cada vez melhor, as demandas operacionais das lojas parceiras. Por isso, por lá é possível tomar ações de acordo com as necessidades da rotina. Um exemplo é a possibilidade de fechar a loja para recebimento de novos pedidos temporariamente. Essa ação pode ser acionada nos momentos de muito movimento.

Por meio dessa ferramenta você também pode solicitar pessoas entregadoras para atuar nas demandas da sua loja. Mesmo que você tenha o Plano Básico, você pode contar com modalidades de entrega para os momentos que precisar.

Mas caso você tenha um sistema próprio de gerenciamento de pedidos e queira continuar atuando com ele, não há obrigatoriedade no uso do Gestor de Pedidos. O iFood disponibiliza uma API para integração, que permite que você continue utilizando a ferramenta que já tem para receber novos pedidos.

iFood Decola

Com a proposta de ser um delivery de conhecimento, o iFood Decola é um programa de desenvolvimento, que atende restaurantes, mercados e entregadores. A ideia é promover capacitação tanto profissional quanto pessoal, por meio de cursos rápidos em temas, como vendas, empreendedorismo e educação financeira.

Vale mencionar que a vantagem também é válida para os funcionários e familiares dos negócios parceiros. O único requisito é o cadastro na plataforma de aprendizagem. A iniciativa conecta-se com o compromisso social que o iFood tem com a educação.

Feed iFood

O Feed iFood é uma funcionalidade que busca ajuadar os restaurantes a alcançarem mais visibilidade dos clientes no aplicativo. Logo no lançamento dessa funcionalidade, mais de 7 milhões de clientes foram impactados com as publicações feitas pelas lojas parceiras.

Para quem é usuário de outras redes sociais, é a mesma ideia: o feed serve para destacar, ou seja, colocar em evidência. Nele os restaurantes podem publicar fotos dos seus pratos, apresentando-se para novos clientes e ajudando a fidelizar os antigos.

Selo Super-Restaurantes

Se você já acessou o iFood como cliente alguma vez, é provável que tenha esbarrado em alguns estabelecimentos que, ao lado do nome, tenham um ícone vermelho com uma estrela branca no centro. Trata-se do selo Super-Restaurantes. Sabe para que ele serve?

O selo serve para informar ao consumidor que aquele restaurante tem uma boa reputação no aplicativo. A existência do selo pode ser decisiva na hora de fechar um pedido, porque confere maior credibilidade ao local, já que os Super-Restaurantes sempre têm mais avaliações positivas, pois entregam uma experiência positiva aos clientes.

Mas as vantagens não são só essas. Quem se esforça para obter esse selo pode ganhar uma melhor posição entre as outras opções de restaurantes, chamando mais atenção. Para se tornar um Super-Restaurante, os restaurantes precisam buscar por boas avaliações dos clientes, atender pedidos do prazo certo, preparar pedidos sem erros e ter um baixo índice de cancelamentos na plataforma.

iFood Shop

Facilitar a rotina de gestão do restaurante é um dos objetivos do iFood, e isso envolve, inclusive, a gestão de fornecedores. Foi a partir disso que nasceu o iFood Shop. Ele é um marketplace que reúne mais de 900 fornecedores que oferecem insumos essenciais para o funcionamento dos restaurantes, como ingredientes, embalagens, produtos de limpeza etc.

A ideia é justamente facilitar, concentrando tudo que eles precisam em um único lugar e a melhor parte: com preços mais atrativos e entrega em todo o Brasil. O site funciona como uma loja online comum, em que você adiciona os itens que deseja ao carrinho e, no fim, finaliza a compra, adicionando forma de pagamento e endereço de entrega.

Cardápio Digital

O Cardápio Digital é outra solução do iFood destinada a atender os restaurantes que querem vender fora do aplicativo. Por meio dessa ferramenta, você pode criar uma página própria para apresentar seus pratos. O link da sua página pode ser divulgado nos canais de comunicação que você já utiliza com seus clientes, como WhatsApp, Instagram e Facebook.

O principal benefício é que você continua engajando a audiência que você já tem. Além disso, toda experiência, inovação e tecnologia do iFood são utilizadas em um canal de vendas que é seu.

Como se cadastrar no iFood?

Se você deseja começar a jornada transformadora do seu negócio e aproveitar todos os benefícios, chegou o momento de se cadastrar no iFood. Para isso, você precisa contar com um CNPJ e um CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) alimentício.

Se você está se questionando se pode vender no iFood com CPF, a resposta é que não. Para vender no iFood é preciso contar com um número de CNPJ. Mas a boa notícia é que você pode vender no iFood sendo MEI. Considere que essa formalização é um passo importante para profissionalização do seu negócio, que vai conferir diferentes benefícios à sua jornada empreendedora.

Conseguiu entender melhor como funciona o iFood para restaurantes? São diversos os benefícios oferecidos às empresas parceiras do iFood, que são fundamentais para um desenvolvimento do negócio.

Tudo pronto para você iniciar a jornada de transformação do seu negócio! Cadastre seu restaurante e junte-se aos mais de 270 mil estabelecimentos parceiros.

Por iFood

Por iFood

7 respostas

  1. Fizemos o cadastro do Ifood parceiros no dia 27/04/2022 mas até momento não tivemos retorno , isso poderia alavancar nossas vendas

  2. Fiz o cancelamento do meu contrato de parceria e gostaria de saber quanto tempo devo receber meu repasse? Não consigo entrar no meu login dar problema no sistema já tentei em 5 locais diferentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

17/05/2024

Desvendando o ciclo do pedido: etapas, como medir e desafios

16/05/2024

À la carte: o que é, como funciona e dicas essenciais

15/05/2024

Negócios lucrativos: quais são e como garantir sucesso?

 

Ingressos disponíveis!

Garanta sua presença no evento que vai mover o mercado de Food Delivery