Como encontrar motoboy 24 horas

Tem dúvidas sobre as regras de contratação de motoboy 24 horas? Leia este post para entender todos os detalhes antes de contratar!
5 Min
motoboy 24 horas

O serviço delivery está cada vez mais requisitado pelos consumidores. Há demandas que não param, funcionando dia e noite. Por isso, encontrar motoboy 24 horas se tornou uma demanda para lojas.

Nesta busca, é preciso ter algumas atenções e cuidados. A função pode ser a mesma, mas há riscos que o turno da noite intensificam para a pessoa entregadora. 

Para o contratante, a preocupação está no adicional noturno para o motoboy. Esse é um dos direitos quando há a contratação por carteira assinada, por exemplo. Mas há outros elementos que precisam ser considerados.

Como contratar motoboy 24 horas?

É importante considerar que o trabalho de motoboy difere-se muito no período noturno para o diurno. Embora a essência seja a mesma: garantir a qualidade da entrega em tempo ágil, a periculosidade aumenta.

À noite, mesmo em vias iluminadas, a visibilidade é menor. Por isso, é importante ter atenção à manutenção e qualidade da motocicleta que está transportando o motoboy e o pedido. 

Encontrar motoboy 24 horas, portanto, exige cuidados por parte da loja, afinal, ela não quer estar relacionada a qualquer tipo de incidente.

[rock-convert-cta id=”3131″]

Verifique se a pessoa tem moto própria

O veículo que vai transportar o profissional e o produto até a residência do consumidor pode ser de propriedade da loja ou da pessoa entregadora. 

Muitas empresas não veem como algo positivo manter o veículo, visto que demanda uma recorrente manutenção e pode ter avarias por conta de descuidos do motorista.

Por isso, é preferível que a motocicleta seja de propriedade do motoboy. Assim, a pessoa terá familiaridade com o veículo, conhecendo sua aerodinâmica, cuidados e quilômetros rodados.

A empresa deve manter um diálogo com o motoboy a fim de saber sobre a manutenção do veículo, se todas as luzes e equipamentos estão funcionando adequadamente etc.

Mapeie o raio de entrega

A distância da entrega é uma preocupação a ser considerada. Muitos motoboys podem não se sentirem seguros em fazerem entregas longas no período noturno e na madrugada.

Essa preocupação é também algo que a loja precisa ter em mente, a fim de garantir a qualidade da entrega. Pensando na entrega de comida, por exemplo, longas distâncias podem fazer com que o prato chegue frio ao destino.

Mapear o raio da entrega certifica que a sua loja poderá receber demandas dentro de uma abrangência. Algumas empresas cobram um frete adicional quando precisam ir além de uma distância determinada.

Identifique se o motoboy é treinado para atender clientes

Atender os clientes é um dos trabalhos fundamentais desempenhados pela pessoa entregadora. 

Será essa pessoa a responsável pelo contato final com o consumidor — sendo, muitas vezes, o único a acontecer pessoalmente.

Por isso, a importância de saber conversar e interagir com o cliente é fundamental para causar uma boa impressão. 

Muitas lojas investem em fazer recados e cartas para acompanhar o pedido, mas essa boa prática perde força se o motoboy for grosseiro com o cliente.

Perguntar sobre a experiência da pessoa e os treinamentos que já fez para garantir a satisfação do cliente é uma maneira de amenizar situações desagradáveis para a marca e o cliente.

Como funciona o adicional noturno motoboy?

O adicional noturno é um benefício garantido pela constituição brasileira a todos os trabalhadores que atuam na jornada noturna.

Se o motoboy é contratado no regime CLT — com carteira assinada — é obrigatoriedade da empresa fazer esse pagamento.

A CLT dispõe horários diferentes para o adicional noturno:

  • atividades urbanas: das 22h de um dia até às 5h do dia seguinte;
  • atividades rurais (lavoura): das 21h de um dia às 5h do dia seguinte;
  • atividades rurais (pecuária): das 20h de um dia às 4h do dia seguinte.

Considerando a atuação dos motoboy na área urbana, deve-se pagar o adicional noturno para as pessoas entregadoras que começam sua jornada de trabalho às 22 horas.

A porcentagem mínima de adicional noturno é de 20% para os trabalhadores urbanos.

Devo pagar adicional noturno para motoboy 24 horas?

Se a sua empresa faz a contratação com carteira assinada das pessoas entregadoras, é preciso pagar adicional noturno para motoboy. 

A porcentagem deste adicional pode variar dos 20% indicados pela lei. Por isso, é importante consultar a convenção coletiva da categoria para saber qual o piso definido.

Como o iFood pode facilitar no serviço de motoboy?

Para facilitar a vida das empresas de delivery que precisam contar com o trabalho de pessoas entregadoras, o iFood oferece a solução Entrega Fácil.

Trata-se de um serviço sem taxas ou comissão. Você paga apenas pelo valor do frete (podendo repassá-lo diretamente para o seu cliente, caso prefira). A entrega acontece de forma ágil, e abrange uma distância de até 10 km da sua loja.

[rock-convert-cta id=”3131″]

Por meio desta solução você pode acessar todos os entregadores cadastrados pela iFood. Ou seja, você conta com um seleto grupo de profissionais treinados para fazer a sua entrega. 

O melhor é que a venda não precisa ser realizada pelo aplicativo. Ela pode ser negociada pelo WhatsApp, app ou site próprio da loja.

Com o Entrega Fácil, a sua empresa poderá contar com um serviço profissional para fazer suas entregas, sem a necessidade de cuidar de burocracias de contratação e nem fazer contratações irregulares.

Conseguiu tirar suas dúvidas sobre o serviço de motoboy 24 horas? Agora, aproveite já o Entrega Fácil e teste esse serviço no seu negócio!

Por iFood

Por iFood

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Parceiro iFood recebendo pedido.

Assine a newsletter e receba em seu e-mail novos conteúdos que vão ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio!

POSTS RELACIONADOS

12/04/2024

Melhoria Contínua no Atendimento do iFood: conheça o Botão de Ajuda

12/04/2024

Aprenda a técnica food porn para caprichar nas fotos de comida

11/04/2024

Feedback do cliente: saiba como tirar proveito